O que é um subwoofer? Conheça mais sobre esta tecnologia!
30/07/2021

O que é um subwoofer? Conheça mais sobre esta tecnologia!

A reprodução de áudio com frequências baixas com qualidade, ou seja, de sons graves, só é possível com a utilização de um equipamento específico. Esse aparelho é fundamental para ouvir determinados tipos de sons com mais nitidez. Mas você sabe o que é um subwoofer, o equipamento que proporciona essa experiência?


Para explicar  melhor o que é um subwoofer, como ele funciona e os benefícios que oferece para seus usuários, preparamos este artigo. No final, disponibilizamos para download um guia completo sobre esta tecnologia. Continue com a leitura e aproveite!

 

O que é um subwoofer?

 

O subwoofer é um aparelho de reprodução sonora desenvolvido para reproduzir as frequências mais baixas do som, ou seja, os mais graves. Para isso, o subwoofer cobre faixas de frequência de 20 a 200Hz, potencializando uma faixa específica do espectro de som.

 

Um subwoofer é necessário em projetos de sonorização por causa da dificuldade que alguns alto-falantes têm em alcançar os sons de baixa frequência. Além de resolver esse problema, garantindo que os sons mais graves serão reproduzidos, o subwoofer também proporciona maior potência para a reprodução.

 

Os subwoofer são divididos em dois tipos:

 

  • Subwoofer passivo: este tipo de equipamento precisa ser alimentado por amplificador externo ou por receptores de áudio e vídeo (A/V), e se assemelha a alto-falantes tradicionais. Outra característica do subwoofer passivo é que precisa de mais energia para reproduzir sons de baixa frequência. O amplificador precisa ter capacidade energética para reproduzir os efeitos dos sons graves.

 

  • Subwoofer ativo: esse tipo de subwoofer conta com alto-falante independente e amplificador. Os dois recursos trabalham em conjunto para proporcionar o desempenho ideal ao aparelho. Com isso, uma alta carga de energia é disparada, permitindo que o aparelho reproduza o som com maior potência.

 

—> Dica: Para identificar qual é qual, observe a ligação energética. 

 

Subwoofers ativos são conectados diretamente na tomada, que vai alimentar seu circuito de amplificação e fazer o equipamento funcionar. Em geral, os subwoofers ativos são mais indicados porque eliminam a necessidade de ter um amplificador exclusivo e as saídas do receiver são equalizadas para o aparelho. 

 

O que é um woofer?

 

O woofer é um tipo de alto-falante em formato de cone que move o ar e emite as ondas sonoras. O movimento é provocado por um eletroímã, que faz a película se mover e gerar o som. O aparelho cobre frequências entre 50 Hz e 4.500 Hz, dependendo do seu diâmetro, e é mais indicado para a reprodução de sons graves e de menor frequência.  

 

No entanto, por compreender um espectro sonoro maior, o woofer não reproduz bem frequências de ambas extremidades, como agudos e graves. Quando é usado para reproduzir frequências mais graves, o som fica comprometido, perde qualidade e prejudica os estímulos que costuma causar nos ouvintes.

 

Nesses e em outros casos, os subwoofer são a melhor alternativa.  Os woofers são indicados para reprodução de sons graves e médio-graves, como sons instrumentais de bumbo, tambor, algumas áreas do piano ou da guitarra etc. 

 

A principal diferença entre o subwoofer e o woofer é que o primeiro foi criado para atender uma faixa específica do espectro sonoro. Isso porque o equipamento reproduz sons de curta amplitude e frequências menores, assim o deslocamento de ar é maior.  

 

Como usar um subwoofer em seu projeto de sonorização

 

Uma das formas mais comuns de encontrar e usar um subwoofer é em sistemas de home theater. O equipamento potencializa alguns tipos de sons, fazendo com que os ouvintes tenham suas emoções estimuladas no ambiente residencial.

 

Enquanto a pessoa está assistindo um filme, por exemplo, em uma cena de ação, que passa um avião próximo ao ator, o usuário vai ouvir o som do avião com maior potência. Isso acontece com todos os sons mais graves. 

 

Mas essa não é a única forma de aplicação do subwoofer. O aparelho começou a ser usado também em áreas de festas e eventos, porque os clientes estão mais exigentes e buscando recursos de mais qualidade para usar em outros ambientes.

 

Os clientes devem, no entanto, ter alguns cuidados na hora de adquirir e usar o subwoofer. Como o equipamento é revestido em madeira, não pode ser usado em áreas úmidas, como banheiros, varandas, churrasqueiras etc. Por isso, é sempre importante contar com especialistas no desenvolvimento dos projetos que irão receber este equipamento.

 

Para entender ainda mais aprofundadamente sobre o assunto, baixe agora mesmo nosso Guia e aprenda como usar o subwoofer em seus projetos de sonorização!

 

< Anterior