6 dicas para não errar no projeto de sonorização
27/05/2020

6 dicas para não errar no projeto de sonorização

A música está presente na vida das pessoas desde sempre. A evolução da tecnologia não só influenciou, como mudou a forma com que as pessoas ouvem música. Para ter qualidade na reprodução sonora, muitas pessoas investem em equipamentos avançados, mas por falta de conhecimento, acabam falhando em suas escolhas. 

 

Investir em um projeto de sonorização faz com que você aproveite mais os momentos em que estiver ouvindo música. Se o objetivo é impactar os clientes, um projeto de sonorização em ambiente comercial será fundamental. 

 

Não sabe por onde começar? Preparamos este conteúdo com 6 dicas que vão ajudar a não errar no seu projeto. Confira!

 

O que é um projeto de sonorização?

 

Um projeto de sonorização é uma análise, feita por especialistas ou técnicos em sonorização, com a indicação do que deve ser feito no ambiente para ser sonorizado. O sucesso do resultado depende: 

 

  • de uma avaliação prévia do ambiente,
  • dos objetivos de quem vai usufruir da sonorização. 

 

Depois de reunir essas informações, o profissional desenha como ficará o projeto e o apresenta ao cliente.

 

O projeto de sonorização é como um projeto de decoração ou design de interiores, mas em vez de representar o desejo do cliente com relação à decoração do seu espaço, orienta sobre como e onde instalar os equipamentos de som corretamente, a fim de proporcionar uma boa experiência para os usuários.

 

Algumas pessoas fazem seu projeto de sonorização por conta própria. No entanto, por não terem o conhecimento técnico necessário para avaliar alguns aspectos, o resultado pode ser aquém do esperado. Por isso, o ideal é sempre contar com a orientação profissional. 

 

Neste artigo, vamos listar 6 dicas que vão contribuir para o seu projeto de sonorização. Mesmo que você tenha contratado um profissional, é importante entender o processo. Veja a seguir!

 

Projeto de sonorização: 6 dicas para evitar erros 

 

Você decidiu que sua casa ou empresa precisa de equipamentos de som melhores, para aproveitar seus momentos de lazer ou tornar o ambiente mais agradável para seus clientes. Assim como muitos brasileiros, provavelmente, você deve ter pensado em ir até uma loja e adquirir uma ou mais caixas de som. É só conectar ao celular e pronto. Certo? Errado.

 

A escolha de um equipamento de som requer alguns cuidados, por isso que um projeto de sonorização de ambientes é tão importante. O projeto vai considerar seus objetivos e as particularidades do seu espaço. O resultado disso será um aparato de som instalado adequadamente. Alguns pontos são fundamentais no planejamento e execução de qualquer projeto de sonorização, veja quais são!

 

1. Faça a avaliação do ambiente e acústica

 

Fazer o dimensionamento adequado do ambiente é o primeiro passo. Fazer o levantamento de informações como altura, a largura e comprimento do espaço é fundamental para escolher os equipamentos que serão usados corretamente. Além disso, é importante considerar o material do forro, nível e tipo de ruído para escolher se será necessário usar arandela ou caixa, por exemplo.

 

2. Defina seus objetivos 

 

Quais são os objetivos com o projeto de sonorização? A resposta para essa pergunta vai ajudar a estimar quantos aparelhos serão necessários no local e onde devem ser posicionados. 

 

Outro ponto que é influenciado pelos objetivos é o tipo de equipamento que será utilizado. Caixas de som com alta potência não são recomendadas para todos os casos, por exemplo. Essa informação ajudar a fazer um investimento de acordo com a sua necessidade. 

 

3. Observe os ruídos internos e externos do ambiente

 

Como mencionamos no primeiro tópico, os níveis de ruído devem ser observados. Ambientes que recebem muita interferência de barulho externo ou até no próprio local, precisam de equipamentos para neutralizar o ruído. 

 

Em ambientes comerciais, os ruídos são mais frequentes. Pessoas conversando, carros na rua, buzina, entre outros barulhos podem prejudicar a sua sonorização. Alguns usuários podem pensar que a solução é adquirir uma caixa de som potente para neutralizar o barulho, mas nem sempre essa é a melhor opção. 

 

Para quem trabalha com atendimento ao público, por exemplo, uma caixa de som não pode impedir o cliente de ser bem atendido. Por isso que um conjunto de fatores devem ser avaliados e combinados. 

 

4. Saiba quem vai usar o sistema de som

 

Um projeto de sonorização residencial dificilmente é usado por uma única pessoa. Em geral, além dos donos da casa, seus filhos podem usar o sistema de som e isso vai influenciar no projeto.

 

Nas empresas, mesmo que diversas pessoas usem o mesmo sistema, normalmente, seguem as regras determinadas pelo superior - o que evita que os equipamentos sejam usados de formas bem diferentes. 

 

Quem vai dividir a sonorização com outros membros da família deve pontuar as características de uso de cada um. Exemplos:

O equipamento será conectado em um sistema de home theater, 

 

  • Será usado para festas,
  • Vai animar pequenas reuniões entre amigos,
  • Será o sistema de som das crianças no quartos.

 

No caso da sonorização comercial, a empresa fará uso de microfones? Tanto na sonorização residencial, como na comercial, os equipamentos serão usados em ambientes separados? Esses detalhes são importantes para o desenvolvimento do projeto.

 

5. Planeje o investimento

 

Os valores de um projeto de som podem variar de acordo com as particularidades de cada ambiente ou usuário. Definir um valor de investimento para o projeto vai ajudar na hora de definir quais os equipamentos serão usados e, principalmente, na dimensão do projeto. 

 

De início, o usuário pode pensar em um projeto sofisticado, que atenda diferentes ambientes, conte com automações etc., mas não está disposto a investir muito. Isso pode prejudicar o desenvolvimento do projeto, que sofrerá adaptações para atender o orçamento,  posteriormente. Por isso, esse ponto deve ser definido logo no início. 

 

6. Validação das informações

 

Depois de reunir todas as informações em um documento, faça uma validação. Confirme se todos os pontos levantados estão corretos e ajuste qualquer equívoco. São essas informações que serão usadas para o desenvolvimento do projeto. Se for preciso, faça novas medições nos espaços para garantir.

 

Como é um projeto de sonorização?

 

O projeto de sonorização é um documento descritivo, com todas as informações necessárias sobre os ambientes que serão sonorizados e como será a ligação dos equipamentos. No caso do projeto comercial, algumas informações são adicionadas para que você saiba exatamente como será a instalação, previamente, como os produtos que vão compor o projeto.

 

Como será a ligação dos equipamentos também é informada e o projeto pode contar com páginas ilustrativas, mostrando como será o posicionamento e distância das caixas nas paredes, como vai ficar a fiação, entre outras informações.

 

O que pode acontecer se as dicas não foram seguidas?

 

Muitas pessoas criam seus próprios projetos de sonorização sem nenhuma orientação técnica e sem seguir as dicas que listamos neste conteúdo. Em geral, procuram os equipamentos na internet e fazem a instalação sozinhas.

 

Não há problemas em comprar pela internet, desde que os pontos que citamos nesse conteúdo sejam considerados. A falta de uma avaliação do local, dos objetivos, necessidades dos usuários, dos investimentos e outros fatores podem causar alguns problemas para a sonorização do ambiente, como;

 

  • Desequilíbrio para o som devido à falta de dimensionamento e do posicionamento incorreto dos equipamentos;
  • Aquisição de menos caixas do que o necessário, levando a erros básicos, como deixar um local ou ambiente sem música;
  • Saturação do som, que fica muito alto para quem está perto do equipamento;
  • Áudio distorcido.

 

No final, um projeto mal feito vai gerar frustração nos usuários, que não vão ter uma experiência agradável ao usar o sistema. Para as empresas, em vez de ajudar nas vendas, um projeto mal feito pode afastar o cliente, causando prejuízos para o negócio. 

 

Academias e supermercados são os tipos de negócio mais prejudicados quando um projeto de sonorização não é feito corretamente. Nesses estabelecimentos, a sonorização é fundamental para as vendas e interação dos usuários.  

 

Além de seguir as dicas que listamos neste conteúdo, evite comprar kits prontos. Esses conjuntos não são personalizados para atender às suas necessidades. 


Faça seu projeto de som com um profissional especializado e fique satisfeito com o resultado. Conte com a equipe da Frahm! Confira os modelos dos equipamentos em nossa loja e leia mais sobre sonorização no nosso blog.

 

caixa de som de embutir para som ambiente

 

 

< Anterior Próximo >